Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias
Início do conteúdo da página

Visando o aprimoramento profissional e a familiarização com os órgãos do Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB), na última quinta-feira, dia 13 de julho, alunas do Curso de Psicologia da Aviação (CPAv), visitaram as instalações do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA).

A capacitação, realizada no período de 19 de junho a 14 de julho, foi idealizada e implementada pelo Instituto de Psicologia da Aeronáutica (IPA), com a finalidade de preparar militares e civis psicólogos para atuarem no contexto da Aviação, mais especificamente na área da Segurança de Voo. O curso abordou, além dos conceitos básicos de Prevenção e Investigação de Acidentes Aeronáuticos, outros campos do conhecimento, tais como Navegação Aérea, Aeronáutica Básica, Medicina Aeroespacial, Fatores Humanos e Atividades Operacionais.

VISITA 1 2 VISITA 5

Com vistas ao aperfeiçoamento técnico e operacional, o Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA) finalizou, no dia 09 de junho, a Capacitação em Gerência Regional de Fluxo (CGN001), destinada aos Controladores de Tráfego Aéreo (Graduados e Civis) que atuam, como Gerentes Regionais, no Salão Operacional e nas Células de Gerenciamento de Fluxo (FMC).

O curso foi dividido em dois módulos, sendo o primeiro na modalidade de Ensino à Distância (EaD) e o segundo, como fase presencial, aos moldes de um estágio prático, para que os discentes pudessem ter contato com a operação real. Fizeram parte da turma 21 alunos, oriundos dos Centros Integrados de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA), do Serviço Regional de Proteção ao Voo de São Paulo (SRPV-SP) e do CGNA.

CGN1 CGN5 2

Como etapa do Curso de Formação de Sargentos (CFS), visando o exercício da prática profissional, 27 alunos da Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR), das especialidades de Meteorologia (BMT) e Serviço de Informações Aeronáuticas (AIS), realizaram Estágio Supervisionado nas dependências do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA).

 

O treinamento, que ocorreu no período de 02 a 25 de maio, proporcionou, além de uma adaptação social e psicológica, a ambientação no que tange ao contexto das operações aéreas. A carga horária, totalizando 160 tempos, é um requisito para que o egresso do curso de formação faça jus ao título (reconhecido pelo Ministério da Educação – MEC) de Técnico na área.

 

 AIS MET

Ocorreu na última terça-feira, dia 06 de junho, no Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), a visita de inspeção da Secretaria de Aviação Civil (SAC) que, juntamente com os outros signatários do Termo de Acordo de Cooperação Técnica nº 4/2015, teve como finalidade a manutenção de uma posição operacional voltada para o apoio aéreo no Transporte de Órgãos e Tecidos.

SAC 1 SAC 2

A comitiva, composta pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO), Associação Nacional das Empresas Administradoras de Aeroportos (ANEAA), Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) e por membros do Ministério da Saúde e da SAC, foi recepcionada pelo Chefe da Divisão de Operações do CGNA, Tenente-Coronel Aviador Sidnei Nascimento de Souza.

No que tange ao Termo de Acordo, o Comando da Aeronáutica (COMAER) atuará na coordenação logística do translado de órgãos e tecidos, durante 24 horas, alocando os materiais captados nos voos apropriados. Cabe ressaltar que as aeronaves, quando no transporte de órgãos e tecidos, têm prioridade para pousos e decolagens. O tempo de preservação dos materiais orgânicos é um fator contribuinte para o sucesso dos transplantes.

SAC 3

“Por um longo período, tivemos representantes do Sistema Nacional de Transplantes (SNT) no CGNA. Porém, por motivos outros, encerramos essas atividades. Diante do atual cenário, e das demandas emergentes, concluímos que a reativação do serviço é imprescindível. O Ministério da Saúde ratifica o acordo”, explanou a Coordenadora Geral do Sistema Nacional de Transplantes (SNT), Dra. Rosana Reis.

A visita de inspeção contou, primeiramente, com uma palestra na qual foram apresentadas a estrutura organizacional do Centro e suas seções de apoio à operação. Posteriormente, os membros da comitiva foram levados ao Salão Operacional, onde puderam visualizar os trabalhos de rotina e a posição prevista para os profissionais da Saúde. Por fim, reuniram-se com o Chefe da Divisão de Operações e com o Chefe da Unidade de Gerenciamento de Fluxo de Tráfego Aéreo, Major Aviador Fábio da Silva Santos.

“Nós, do CGNA, temos imensa satisfação em receber comitivas que, num contexto de colaboração, objetivam o fortalecimento dos sistemas. A presença do Ministério da Saúde no Salão Operacional servirá como um importante canal, para que possamos garantir a celeridade na busca dos voos”, afirmou o Tenente-Coronel Sidnei.

O embarque e desembarque nos aeroportos, a emissão de bilhetes de passagens para as equipes médicas e a seleção dos voos serão as principais ações realizadas pelo elo na referida posição. A proposta é que, até o início do segundo semestre, os membros do Ministério da Saúde já estejam operando no CGNA.

Texto/Fotos: 2º Ten Esp CTA Eduardo Silva

Com o objetivo de divulgar as atividades desenvolvidas no contexto do Gerenciamento de Tráfego Aéreo (ATM), o Chefe do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), Coronel Aviador Ricardo Luiz Dantas de Brito, participou do Ciclo de Palestras sobre Direito Aeronáutico e Aeroespacial. O evento ocorreu na última segunda-feira, dia 22 de maio, nas dependências da 57ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). As exposições foram mediadas pelo Presidente da Comissão de Direito Aeronáutico da OAB/RJ, o Dr. Antônio José.

Foram abordados temas ligados aos aspectos normativos da aviação, à segurança operacional, à regulamentação de aeronaves, às atividades de gestão e infraestrutura e ao fluxo aéreo. Participaram do evento, além da equipe composta pelos Oficiais Superiores do CGNA, representantes da Rio Galeão, advogados e outros especialistas em Ciências Aeronáuticas.

OAB 2 DSC00087 2

Por meio da Seção de Instrução e Doutrina, o Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA) iniciou, na última terça-feira, dia 06 de junho, o novo Programa de Instrução e Manutenção Operacional (PIMO), destinado aos Gerentes Nacionais de Fluxo (GNAF). Essa equipe é composta por Tenentes, da Especialidade de Controle de Tráfego Aéreo, que concorrem às escalas de serviço no Salão Operacional.

PIMO1 PIMO 2

A Seção de Instrução e Doutrina do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA) finalizou, no dia 11 de maio, o primeiro Programa de Instrução e Manutenção Operacional (PIMO) destinado aos Gerentes Nacionais (GNAC). O ciclo de capacitação foi dividido em quatro turmas e, dessa forma, foi possível atingir a totalidade dos oficiais que atuam na posição operacional de Gerência Nacional do órgão.

Foto 1 2

O processo de Gerenciamento de Fluxo de Tráfego Aéreo (ATFM) foi o foco do programa que, num contexto interdisciplinar, abordou temas como a própria estrutura no Centro, as normas e os sistemas inerentes à prestação do serviço ATFM e, além disso, as utilidades vinculadas às seções de apoio operacional.

É atribuição do GNAC supervisionar a aplicação de medidas táticas de gerenciamento de fluxo de tráfego aéreo (medidas ATFM táticas) em toda área de responsabilidade do serviço ATFM nacional. Diante disso, é necessário que esse Gerente, quando de serviço no Salão Operacional, seja capaz de atuar com total eficiência.

Foto nova

“A formação continuada, proposta pela Divisão de Operações do CGNA, é de suma importância para a atuação do Gerente Nacional. A consciência situacional e a elevação do conhecimento técnico são prioridades para nossa equipe; sem esses pilares não há como participar de uma tomada de decisão colaborativa”, ressaltou o Chefe da Seção de Instrução e Doutrina, Major Especialista em Controle de Tráfego Aéreo Fernando de Souza Armstrong.

A última turma contou com a ilustre presença do Presidente da Junta de Julgamento da Aeronáutica (JJAER), o Coronel Especialista em Controle de Tráfego Aéreo Jorge Wilson de Ávila Ferreira Penna.

O próximo PIMO está previsto para o mês de junho e será destinado aos Gerentes Nacionais de Fluxo (GNAF). A equipe de GNAF é composta por Tenentes, da Especialidade de Controle de Tráfego Aéreo, que atuam no Salão Operacional juntamente com o Gerente Nacional.

Texto: 2º Ten Esp CTA Eduardo Silva
Fotos: Cap CTA R1 André

Fim do conteúdo da página