Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Patrimônio Cultural
Início do conteúdo da página

BEM CULTURAL IMATERIAL          BEM CULTURAL MATERIAL          IDENTIFICAÇÃO DE BEM CULTURAL

 

BEM CULTURAL IMATERIAL

     É toda a manifestação imaterial da vida de uma sociedade referente às tradições, aos usos e costumes, às crenças e aos valores, às ações históricas e cotidianas, bem como às tecnologias e aos modos de fazer presentes na sociedade atual.

    Os bens culturais imateriais no âmbito do COMAER constituem a identidade e a memória, por meio das quais o espírito de corpo é reforçado. São exemplos:

          a) tradições, usos e costumes;
          b) crenças e valores militares;
          c) ações históricas e cotidianas;
          d) expressões características do cotidiano militar na FAB;
          e) técnicas e rotinas tradicionais de trabalho;
          f) hinos e canções;
          g) gritos de guerra;
          h) rituais;
          i) festividades;
          j) cerimônias militares; e
          k) outros.

 
Registro

    É a modalidade de preservação do Patrimônio Cultural do COMAER que ocorre por meio de ato administrativo e está direcionada aos saberes, às formas de expressão, às celebrações e aos lugares onde se concentram e se reproduzem práticas culturais coletivas. Tem a função de documentá-los, mediante a utilização dos recursos proporcionados pelas novas tecnologias da informação, e disponibilizá-los ao seu público interno e externo.

    Até o presente momento, ainda não há processos de proposta de registro no âmbito do COMAER.

 

Voltar para o topo

 

 

 

 

 

 

BEM CULTURAL MATERIAL

    É toda manifestação material da vida de uma sociedade, como artefatos, construções, obras de arte e objetos produzidos artesanalmente ou industrialmente pela humanidade, expressando uma época e contribuindo para as transformações de uma sociedade. O bem cultural material pode ser de natureza móvel ou imóvel.

 
Bem cultural material móvel

    Os bens culturais materiais móveis das OM, que tenham valor de natureza cultural, podem ser identificados como:

          a) aeronaves, peças e motores;
          b) protótipos;
          c) viaturas;
          d) documentação histórica;
          e) instrumentos tecnológicos, científicos e musicais;
          f) desenhos, gravuras, pinturas e esculturas;
          g) maquetes;
          h) placas, troféus e panóplias;
          i) emblemas, medalhas e estandartes;
          j) indumentárias;
          k) utensílios;
          l) mobiliários; e
          m) outros.

Bem cultural material imóvel

    Os bens culturais materiais imóveis abrangem edificações, logradouros, sítios, ambientes, campos e aeródromos, monumentos e marcos históricos. Também podem ser tomados em conjunto, tendo por base uma unidade em termos de arquitetura, de ocupação ou de integração na paisagem.
 
Inventário de bem cultural material

    Os anexos encontram-se na ICA 902-1/2013

 
Custódia

    É a modalidade de preservação do Patrimônio Cultural do COMAER que, por meio de ato administrativo do Comandante da Aeronáutica, visa proteger um bem de natureza material. Tem a função de garantir às futuras gerações a possibilidade de manter e difundir sua memória, suas tradições e suas realizações importantes.

    Tendo em vista a recente alteração da legislação relativa à preservação do patrimônio cultural material no âmbito do COMAER, todos os bens protegidos por ato administrativo do Comandante (ou Ministro, à época) da Aeronáutica terão seus processos revistos pela Comissão do Patrimônio Cultural do Comando da Aeronáutica (CPCCA) / INCAER a partir de 2015.

 
Tombamento

    O tombamento é um instrumento legal de responsabilidade exclusiva do IPHAN e seus correlatos nos níveis estadual e municipal, visando preservar os bens culturais materiais.

 

Bens Culturais Tombados

Hangar de Zepelins do aeroporto Bartolomeu de Gusmão

 

Sítio Cabangu: casa Santos Dumont

 

Antiga Estação de Hidroaviões

       
 
Em Processo

Aviões Catalina

 

Voltar para o topo

 

 

 

 

 

 


IDENTIFICAÇÃO DE BEM CULTURAL

    A identificação de um bem cultural relaciona-se com a história e a memória coletiva da Organização, do COMAER ou do país. O bem pode apresentar valor de natureza cultural, caracterizado:

    Os bens culturais materiais móveis das OM, que tenham valor de natureza cultural, podem ser identificados como:

     a) pela contribuição para a evolução tecnológica, conceitual ou doutrinária da aeronáutica brasileira;
     b) pelo emprego; e
     c) pela originalidade ou raridade do bem.

    A proposta de identificação de bem cultural deve ser levada ao conhecimento do Profissional de Comunicação Social (PCS), que a encaminhará para a apreciação do Comandante, Chefe ou Diretor da OM, por intermédio de documento oficial.

    Os bens culturais materiais devem ser registrados em Fichas de Inventário / Catalográficas, conforme os modelos disponibilizados na ICA 902-1 – “Preservação do Patrimônio Cultural do Comando   da Aeronáutica”. Para o preenchimento destas Fichas, é necessário consultar também o MCA 902-1 – “Thesaurus do Patrimônio Cultural do Comando da Aeronáutica”.

    Está sendo desenvolvido, sob a supervisão do CCA-SJ, um aplicativo para o gerenciamento do Patrimônio Cultural e para as atividades pertinentes ao Sistema de Patrimônio Histórico e Cultural do Comando da Aeronáutica (SISCULT), o qual possibilitará o cadastramento, tanto de bens culturais materiais quanto de bens culturais imateriais.
 

 

Fim do conteúdo da página