Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Página inicial > Notícias da EPCAR > Doação da “Turma D” de 1973 da EPCAR propicia inauguração de Clube de Robótica
Início do conteúdo da página

 

Objetivo dos veteranos é participar no desenvolvimento intelectual dos alunos e incentivar outras Turmas a contribuírem com os projetos desta Escola

 

A Diretoria de Ensino da Aeronáutica (DIRENS) realiza ações pela melhoria contínua da qualidade na gestão educacional. Neste propósito, no dia 24 de outubro de 2019 ocorreu, na Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), a implantação do Clube de Estudos de Robótica e Mecânica Aplicada (CERMA) após a chegada de equipamentos doados por alunos veteranos pertencentes à “Turma D” da EPCAR 1973 – Brigadeiro Clóvis Monteiro Travassos.

Com os laços sempre estreitos e ligados ao ensino e à trajetória da “Nascente do Poder Aéreo”, os integrantes da “Turma D” manifestaram o desejo de contribuir efetivamente para o desenvolvimento intelectual e tecnológico dos futuros oficiais da Força Aérea Brasileira (FAB) e, também, serem precursores e incentivadores para que outras Turmas contribuam com os projetos desta Escola, conforme explica o Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Vuyk de Aquino, Ministro do Superior Tribunal Militar (STM) e um dos idealizadores da doação. “É necessário que os homens de bem saibam reconhecer aqueles que contribuíram para a sua formação intelectual e moral, o que lhes permitiu alcançar a posição que hoje ocupam. E é inegável que a Escola Preparatória de Cadetes do Ar ocupa um espaço de destaque em muitos homens da sociedade brasileira. A EPCAR não é apenas uma Escola que visa preparar o futuro cadete da Aeronáutica, mas sim formar o cidadão, uma vez que uma parcela daqueles que se sentam nos seus bancos escolares retornam à vida civil e desempenham com brilhantismo suas profissões escolhidas. Nada mais justo do que participar com pequenas contribuições visando dotar a EPCAR com meios que vão alavancar as futuras gerações, aumentando significativamente a capacidade técnica e intelectual daqueles que cursam a escola. Acredito que esta iniciativa da Turma D de 1973 seja apenas um catalisador para que este modelo se propague por outras turmas e assim possamos contribuir com aquela escola que nos transformou de meninos em cidadãos”, explicou o Ministro. A Turma 73 recentemente, teve outra iniciativa ligada à EPCAR: a montagem do museu com artigos aeronáuticos inaugurado em Guaramiranga (CE), no qual a entrada é uma réplica da fachada do prédio do Comando da EPCAR.

Entre os equipamentos de Robótica doados, estão kits Arduino e dois kits Lego Mindstorms EV3, além da aquisição de uma impressora 3D à disposição dos alunos. Dessa maneira, o CERMA tomou forma com a elaboração do estatuto e a incorporação dos equipamentos e materiais necessários ao funcionamento, em outubro do corrente ano.

Na apresentação do acervo, foi visível a empolgação e a grande ansiedade dos alunos para começar a desenvolver projetos das mais diversas áreas do conhecimento. Na primeira gestão, o CERMA será presidido pelo Aluno Renan Pavan Sá. “Nós do clube ficamos muito empolgados ao ver todo o material doado pelos alunos veteranos da Turma D de 1973. Agradecemos pela generosidade e pelo apoio a nós prestados. Há muito na EPCAR os alunos anseiam por um Clube de Robótica, e saber que, de agora em diante, todos poderão ter a oportunidade de aprender e colocar em prática conhecimentos que se mostram tão importantes na preparação dos alunos para o futuro, me traz grande alegria. A Força Aérea Brasileira tem passado por inúmeras modernizações, como podemos observar com a chegada do KC-390 e do F-39 Gripen, e os conhecimentos obtidos no clube serão de grande valia para os futuros oficiais aviadores, a fim de se adaptarem às novas tecnologias empregadas nessas aeronaves”, declarou o aluno.

Para o Professor Marcelo de Miranda Coelho, orientador do Clube, o início das atividades é um marco para a modernização do ensino na EPCAR, ponto focal da DIRENS nos últimos anos. “Há uma tendência mundial no emprego da cultura maker e na adoção do ensino de programação nas escolas, em todos os níveis de educação. Dessa forma, a implantação permitirá o acesso dos nossos alunos ao que existe de mais moderno para o desenvolvimento de suas habilidades no uso da tecnologia, além de possibilitar que as várias disciplinas do Curso Preparatório de Cadetes do Ar (CPCAR) possam se beneficiar com o uso dos equipamentos doados, aumentando o grau de interdisciplinaridade já presente em nosso cotidiano”, pontuou o professor.

O objetivo do CERMA é propiciar aos alunos da EPCAR estudos na área de robótica com a aplicação direta do conteúdo curricular visto em sala de aula. A partir desses estudos, os alunos serão capazes de desenvolver projetos que envolvam robôs autônomos, drones, controle de sensores dos mais diversos tipos, entre outros. Anualmente, os membros do clube serão desafiados a participar das competições nacionais na área de robótica, como a Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR-Modalidade Prática), em que robôs autônomos, construídos pelas equipes participantes, devem ser capazes de se deslocarem em uma arena seguindo indicações (linhas), além de realizar tarefas específicas.

 

 

Fonte: Seção de Comunicação Social, por Sargento Domingos
Fotos: Sargento Domingos
 
 
Fim do conteúdo da página