Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Slideshow > DIRSA encerrou o Ciclo de Videoconferências Técnicas sobre a Reestruturação do SISAU com a 4ª Videoconferência
Início do conteúdo da página

A Diretoria de Saúde da Aeronáutica encerrou no dia 08/09/2020, às 10 h, o Ciclo de Videoconferências  Técnicas sobre a Reestruturação do SISAU, com a 4ª Videoconferência. O tema principal abordado foi sobre os Indicadores.

O evento foi aberto pelo Sr. Diretor de Saúde, MB Med Miguel, passando a palavra em seguida para o Sr. Subdiretor Técnico da DIRSA, Brig Med Cloer, o qual apresentou os temas “Macro e Mesoindicadores”. Seguido pela explanação do Sr. Chefe da Divisão de Medicina Integrada da DIRSA, TC Med Macedo com o tema “ Microindicadores”, sendo finalizado pela Adjunta da Divisão de Medicina Integrada  da DIRSA, 2T QOCon Enf Luana Santos, a qual abordou o tema “Nanoindicadores”. Encontravam-se presentes também o Sr. Subdiretor da SARAM, Brig Med Walter; o Sr. Chefe da Assessoria de Planejamento e Projetos da DIRSA, Cel Int Monteiro; o Sr. Chefe da Subdivisão de Medicina do Trabalho da DIRSA, TC Med Soares e a Sra. Adjunta da Assessoria de Planejamento e Projetos da DIRSA, Maj Farm Karen Rampon. Todas as Organizações de Saúde da Aeronáutica (OSA) acompanharam a Videoconferência em tempo real.

“Os indicadores são uma excelente ferramenta de gerenciamento e de auxílio à tomada de decisão e análise dos resultados obtidos. Através deles avaliamos a eficiência das medidas adotadas e reorientamos o rumo das decisões. Por isso, o conhecimento sobre o assunto abordado na quarta videoconferência é muito importante para o sucesso da Reestruturação do SISAU”, destacou o Maj Med Ferreira do HFASP.

De acordo com o Ten Cel Brasil da OABR: “O quarto encontro do Ciclo de Videoconferências Técnicas sobre a Reestruturação do SISAU abordou o tema "Indicadores" e foi de grande relevância para todos os participantes, pois o gerenciamento do desempenho organizacional tem por objetivo direcionar todos os esforços da organização em prol dos objetivos desta. Dessa forma, busca-se a efetividade de todas as atividades do Sistema alinhadas com o objetivo macro da organização. Dentro dessa perspectiva, observa-se a importância dos indicadores, que facilitam a transmissão da missão e visão do SISAU para seus integrantes”.

Dentre os participantes, o Sr. Diretor da OASD, Cel Dent André Soares, destacou : “ A palestra demonstrou a importância de mensurar para obter o conhecimento dentro de uma metodologia preconcebida de modelo de gestão. A partir deste conhecimento, o gestor poderá desenvolver mecanismos de ajustes para estabelecer processos de modificações na mentalidade institucional, na forma de condução e direcionamento dos recursos que detêm, tanto no aspecto humano, como administrativos e financeiros. Toda esta transformação é retroalimentada, avaliada e com feedback baseado na performance do modelo de serviço adotado. Dentro do atual processo de Reestruturação, estes mecanismos balizadores servem para indicar as possibilidades futuras e servir como base para o avanço e conquista de resultados positivos. São informações quantitativas e qualitativas que expressam o desempenho de um planejamento, em termos de eficiência e eficácia.
Os indicadores para serem implementados têm que ter coerência, validade, confiabilidade e devem ser desenvolvidos através de experiências positivas ou negativas na relação direta com a intuição.

Devem ser orientados para ter uma linha de ação de acordo com cada segmento de gestão operacional, indo dos macroprocessos da cadeia de comando até os nanoprocessos que abordarão as equipes e os atendimentos.
São fundamentais para qualquer linha de ação dos gestores, servindo futuramente para nortear o aprendizado técnico científico de cada organização”.

Em relação ao LAQFA, o TC Farm Marcilio afirmou: “O Ciclo de Vídeoconferências  sobre a Reestruturação do SISAU me permitiu ver que temos um grande desafio gerencial e que está alinhado às boas praticas de governança.
Destaco a abordagem sobre a ação em rede, a relevância da atenção primária e o foco no resultado. Certamente, nos próximos anos colheremos  frutos positivos para COMAER e para todos nós, beneficiários do SISAU”.

O Hospital de Aeronáutica de Manaus e  a Odontoclínica de Aeronáutica Santos Dumont foram as OSA sorteadas nesta videoconferência para interagir com os palestrantes.


A gravação  do evento foi disponibilizada na página Intraer da DIRSA, além do material apresentado.

 

Data da publicação: 14/09/2020

Fonte: Seção de Comunicação Social da DIRSA

Fim do conteúdo da página