Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

A Esquadrilha da Fumaça realizou duas demonstrações ao longo do Domingo Aéreo AFA 2022, em um dia repleto de atrações para as mais de 60 mil pessoas que compareceram ao evento. A primeira apresentação foi às 11h e, à tarde, às 16h encerrando o evento.

Antes da Fumaça, teve salto dos paraquedistas da FAB - os Falcões, Esquadrão de Voo a Vela, aeromodelos fazendo acrobacias, os Esquadrões de Instrução Aérea da AFA, esquadrilhas civis com diversos modelos de aeronaves e também os Halcones, esquadrão de demonstração aérea da Força Aérea do Chile, mas as apresentações do Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), da Força Aérea Brasileira, carinhosamente conhecida como Esquadrilha da Fumaça, foram uma das principais atrações.

Algumas atrações se repetiram nos dois períodos, mas sempre que a Fumaça se apresentava, a multidão se aglomerava junto aos gradis e, os olhares juntamente com os celulares ficavam à disposição dos movimentos dos A-29 Super Tucanos do EDA.

Foram duas apresentações de tirar o fôlego! Ambas as demonstrações completas, com todas as manobras conhecidas pelo público – lancevak, break, panqueca, dorsão (quando seis aviões voam juntos de ponta cabeça), vários cruzamentos entre os números #5 e #6, looping, e o famoso coração ao final. E teve surpresas para o público: Passagens e manobras da Fumaça com a participação de um North American T-6 Texan, o mesmo modelo de avião que iniciou a história da Esquadrilha da Fumaça. Um momento de encontro entre a primeira e a atual geração de aeronaves do EDA.

Outro momento bacana deste Domingo Aéreo foram as passagens que os A-29 Super Tucanos fizeram juntamente com um Embraer E-195, aeronave utilizada pela companhia Azul Linhas Aéreas, que esteve presente no evento.  

Para a sorocabana Bárbara Proença, 30, que veio ao Domingo Aéreo pela primeira vez com os filhos, disse que valeu a pena e pretende voltar nas próximas edições. “A Esquadrilha da Fumaça esteve recentemente em Sorocaba, no aniversário da cidade, mas aqui é especial, é nossa primeira vez no evento e pretendemos voltar nas próximas. Valeu super à pena vir com os filhos”, declarou.

A esquadrilha chilena também ganhou os corações do público brasileiro. Em suas duas apresentações no evento, arrancou suspiros com manobras baixas e ágeis com os cinco aviões GB-1 Gamebird.

De acordo com o Capitão Aviador Cristóbal Contreras Basualto, Comandante dos Halcones, é motivo de orgulho participar de um evento como este no Brasil. “Nos sentimos muito contentes e orgulhosos de estarmos aqui no Brasil acompanhando nossos irmãos da Esquadrilha da Fumaça, em seu septuagésimo aniversário, e demonstrando a capacidade da Força Aérea do Chile, assim como o profissionalismo dos militares do nosso país”.

“Foi mais uma oportunidade de mostrar para milhares de pessoas a qualidade das nossas aeronaves, que são produzidas no Brasil e levam a bandeira do País na cauda dos aviões de Norte a Sul e também em missões no exterior, assim como o alto grau de profissionalismo dos pilotos da Força Aérea Brasileira. Além de termos a grata satisfação de receber mais uma vez nossos vizinhos chilenos, que já fazem parte da história deste importante evento do calendário aeronáutico”, comenta o Tenente-Coronel Aviador Daniel Garcia Pereira, Comandante da Esquadrilha da Fumaça. 

A agenda da Esquadrilha da Fumaça é divulgada mensalmente ou a cada dois meses, sendo necessária a solicitação formal com a antecedência mínima de quatro meses ao CECOMSAER. Todos os custos de material, logística e pessoal são cobertos pelo Comando da Aeronáutica. Para mais detalhes sobre como realizar o convite, acesse www.fab.mil.br/eda. Acompanhe a rotina da Fumaça nas redes sociais: Facebook, Instagram, Twitter, Youtube e Flickr.

Fim do conteúdo da página