Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Página inicial > Notícias da EPCAR > EPCAr comemora Páscoa dos Militares
Início do conteúdo da página

Militares, alunos e servidores civis de diferentes religiões participaram, na tarde dessa quinta-feira (10/08), da tradicional Páscoa dos Militares, na Escola Preparatória de Cadetes do Ar – EPCAr.
No Auditório Brigadeiro Eduardo Gomes, o Comandante da Escola, Brigadeiro do Ar José Aguinaldo de Moura e outros militares católicos participaram da celebração eucarística, presidida pelo Arcebispo Emérito de Sorocaba, Dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues. O arcebispo trouxe uma reflexão sobre a relação entre os valores cristãos e os valores representados nas Bandeiras Nacional e Estadual e no estandarte da EPCAr.  “Viver os dez mandamentos é o que vai garantir a verdadeira ordem e possibilitar o progresso. É pela força do Espírito Santo que nos tornamos livres para fazer o bem. Vivendo com intensidade os valores da dignidade humana e do evangelho poderemos construir uma pátria onde a justiça e o respeito imperem e a fraternidade una as pessoas”, afirmou.
Os evangélicos se reuniram em um Culto de Páscoa, no Auditório 1. O evento contou com a participação da Banda de Música da Escola e da União Evangélica dos Alunos na apresentação dos cânticos. O pregador convidado foi o pastor Ozias da Igreja Presbiteriana de Barbacena que trouxe a mensagem e celebrou o momento da ceia entre os participantes.
Entre os espíritas a Preleção aconteceu no Auditório 2. Os alunos epcarianos assistiram a uma palestra do Aluno Vinícius Mendes Epifânio, do 3º esquadrão, que falou sobre a visão espírita do sentido da Páscoa. O momento foi prestigiado pelo orientador do Núcleo Espírita, 1 Tenente Frederico Meneghin Brandão, e pela coorientadora, 1 Tenente Karine Cristiane Nogueira Nunes.
Páscoa dos Militares
A Páscoa dos Militares é comemorada fora de época, por concessão da Igreja, já que, à época da II Guerra Mundial, no período da Páscoa, os militares brasileiros estavam envolvidos em missões longe de casa ou escalados para serviços e não puderam participar desta festividade religiosa. Desta forma, a Páscoa dos Militares preserva a história do final da II Guerra, quando a Força Expedicionária Brasileira retornou ao Brasil após o período pascal. É permitido participar deste evento os segmentos católico, espírita e evangélico (cada um com uma festividade diferente), já que esta festividade tem por objetivo estimular o espírito de religiosidade e reafirmar os valores cristãos dos militares.

 Fotos: 1T Quelli/ 1T Brnadão/ 1S Leopoldo

Fim do conteúdo da página