Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > CGNA participa da 4ª edição do Programa Integrar
Início do conteúdo da página

Na última quarta-feira, dia 26 de julho, o Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA) recebeu a 4ª edição do Programa INTEGRAR, que tem como finalidade proporcionar melhor adaptabilidade ao indivíduo, no tocante aos novos desafios em sua realidade profissional. Além dos egressos de cursos de formação, compõem a equipe militares transferidos de outras Organizações.

A programação incluiu palestras relacionadas à rotina do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e, num contexto interdisciplinar, a matérias como segurança do trabalho, ética, assistência social, educação financeira e assuntos sigilosos, seguidas de visitas ao Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA), Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV) e Destacamento de Controle do Espaço Aéreo do Galeão (DTCEA-GL).

Ao chegarem no CGNA, os participantes foram recepcionados pelo Chefe da Seção de Comunicação Social (SCOM), Segundo-Tenente Especialista em Controle de Tráfego Aéreo Eduardo Araujo da Silva. Os militares conheceram de perto as repartições administrativas do Centro e, ao final, observaram em tempo real o gerenciamento de tráfego aéreo, no Salão Operacional.

“Para os que visitam unidades operacionais como o ICA, GEIV e DTCEA-GL, é de suma importância conhecer o CGNA. Essa Organização presta um serviço ímpar à sociedade e reúne profissionais de diversas especialidades. Isso é muito motivador para o nosso programa”, salientou a Segundo-Tenente QOCON SSO Simone Pereira Rocha.

Como parte integrante do projeto, esta edição contou com um tema inovador, qual seja o das Possibilidades de Ascensão na FAB, ministrado no auditório do Subdepartamento de Operações do DECEA, pelo Tenente Eduardo Silva. O objetivo foi apresentar as formas de ingresso bem como as oportunidades de promoção funcional existentes na própria Instituição.

 “Há uma grande vantagem em se obter as informações certas acerca das possibilidades de ascensão no âmbito da FAB, isso pode definir o futuro de cada um de nós. O que devemos buscar é o aprimoramento da Força e também pessoal”, ressaltou a chefe da Seção de Serviço Social do DECEA, Primeiro-Tenente QCOA ASS Fernanda Rodrigues.

Outras informações sobre o programa e a iniciativa do DECEA podem ser acessadas na Intraer, por meio do link http://publicacoes.decea.gov.br/?i=publicacao&id=4286

Texto: 2º Ten Esp CTA Eduardo Silva
Foto: 2S SIN Roberta

Fim do conteúdo da página