Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Slideshow > Últimas notícias
Início do conteúdo da página

CEPE

22 de ABRIL de 2019 

Economia Defesa Grupo

ESAO

Dimenso Humana nas Foras Militares

 

LAAD CA DHO1

A Universidade da Força Aérea (UNIFA) esteve presente na maior feira de Segurança e Defesa da América Latina - LAAD 2019 Defence & Security, divulgando o Programa de Pós-Graduação em Ciências Aeroespaciais e o Programa de Pós-Graduação em Desempenho Humano Operacional.

LAAD Grupo

No dia 04 de abril, foram realizadas uma série de reuniões para promover as pesquisas e permitir uma troca de informações entre o setor acadêmico da UNIFA e as empresas interessadas em participar de projetos e desenvolvimentos nas áreas temáticas voltadas ao Poder Aeroespacial e ao Desempenho Humano Operacional.

Além de promover a Universidade, os encontros tiveram como objetivo principal uma maior interação com a Base Industrial de Defesa (BID) na busca de interesses comuns e futuras oportunidade de cooperação, alinhadas aos projetos desenvolvidos no Pró-Defesa disponibilizado pelo Ministério da Defesa e a CAPES.

No âmbito do Pró-Defesa IV a UNIFA atua em 3 projetos:

- “A Agenda QBRN do Brasil: óbces e potencialidades para a construção de uma política nacional interagências”, cuja instituição líder é o ITA, que visa à construção de políticas de governança multinstitucionais para o atendimento de emergências ou catástrofes envolvendo agentes Químicos, Biológicos, Radiológicos e Nucleares com o objetivo de integrar as ações das Forças Armadas às agências civis;

- “A Economia de Defesa no Brasil: gastos militares e suas interfaces com a indústria e inovação”, cuja instituição líder é a UNICAMP, que visa produzir conhecimento autóctone e formar pessoal qualificado no campo da Economia de Defesa, focando nas interfaces dos gastos militares com a indústria e inovação;

- “Ciência, Tecnologia e Inovação em Defesa Cibernética e Defesa Nacional”, cuja instituição líder é a ECEME, que pretende entender as necessidades nacionais de Defesa Cibernética para implementação de políticas públicas de disseminação e formação de recursos humanos nesse setor estratégico.

Fim do conteúdo da página