Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias
Início do conteúdo da página

 

Nos dias 3 e 4 de julho de 2018, a Academia da Força Aérea realizou a V Olimpíada de História Militar e Aeronáutica – V OHMAFA. Uma sensacional disputa de conhecimentos entre os discentes das escolas de formação militar superior das Forças Armadas, de cunho educativo e cultural, que tem por objetivo, dentre outros, promover e valorizar o estudo da História Militar e da Cultura Aeronáutica.

Nesta edição, onze equipes participaram da competição, sendo duas equipes compostas de cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), duas constituídas por aspirantes da Escola Naval (EN), seis equipes formadas por cadetes da AFA e uma equipe representada por aspirantes do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA). O evento, já consolidado no calendário da Academia, está em sintonia com a Estratégia Cultural do Comando da Aeronáutica e busca incrementar as atividades formadoras de nossos futuros oficiais.

Representantes do INCAER participaram do evento, com o 1º Ten QOCon Tec  (HIS) Daniel Evangelho Gonçalves compondo a Banca Avaliadora, a Cap Esp Aer SVI R/1 Rosangela Martins da Costa Lemos e o S2 SSG Vittor Cruz Maia na divulgação das publicações oferecidas pelo Instituto através do Clube do Livro.

 

Representantes do INCAER - S2 Maia, Cap R/1 Rosangela e Ten Gonçalves

 

Equipe do ITA - vencedores da V OHMAFA

O Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica (INCAER) recebeu, no dia 16 de maio de 2018, a Delegação de Estudos e Investigação Militar do EMG/FAA de Angola, que está em visita oficial ao Brasil.

A Delegação angolana composta pelo Coronel Nelson de Jesus Maldonado, Chefe da Delegação, Major Maria de Assunção Quarta e o Tenente-de-Corveta José Manoel Marcolino estão sendo acompanhados pelo Coronel de Infantaria da Força Aérea Brasileira Salomão Pereira da Silva.

O objetivo da missão é estreitar os laços de amizade entre as duas nações, bem como trocar experiências e aprofundar o conhecimento sobre estudos e pesquisas militar.

No INCAER a comitiva assistiu a uma palestra sobre o Instituto, ministrada pelo Cel Av R/1 Marcos Narciso Martins, chefe da Divisão de Comunicação Cultural, e outra sobre o Sistema de Patrimônio Histórico e Cultural do Comando da Aeronáutica, ministrada pelo Maj Brig Ar R/1 José Roberto Scheer, Subdiretor de Cultura do INCAER. Após as palestras, os angolanos conheceram as instalações do Instituto, tombadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) por seu valor arquitônico.

Além do INCAER, os militares já visitaram na cidade do Rio de Janeiro o Instituto Militar de Engenharia (IME), o Museu Histórico do Exército, o Forte de Copacabana e a Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM). Em Brasília, passarão pelo Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação, pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e encerrarão sua missão no dia 18 de maio com a visita à Praça dos Três Poderes.

 

 

Por ocasião da sessão magna de abertura do ano sociocultural de 2018, do Instituto de Geografia e História Militar do Brasil (IGHMB), em evento conjunto com o Centro de Estudos e Pesquisas de História Militar do Exército e a Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra, o Ten Brig Ar R/1 RAFAEL RODRIGUES FILHO, diretor do INCAER, foi acolhido como Associado Honorário do IGHMB, tendo recebido do Gen Bda MÁRCIO TADEU BETTEGA BERGO, presidente do Instituto, o diploma e a comenda de associado.

Na oportunidade, participaram da mesa de honra da cerimônia diversas autoridades civis e militares, dentre elas o Brig Ar R/1 ROBERTO FERREIRA PITREZ, Subdiretor de Divulgação do INCAER.

 

 

Na manhã do dia 28 de fevereiro de 2018, em cerimônia militar ocorrida no salão nobre do Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica e presidida pelo Tenente-Brigadeiro do Ar R/1 Rafael Rodrigues Filho, Diretor do Instituto, o Major Brigadeiro do Ar Refm Wilmar Terroso Freitas passou o cargo de Subdiretor da Divisão de Divulgação do INCAER ao Brigadeiro do Ar R/1 Roberto Ferreira Pitrez.

Após sete anos à frente da Subdivisão de Divulgação do INCAER, o Major Brigadeiro Terroso encerra um ciclo 47 anos de serviços prestados à Força Aérea Brasileira. Durante sua carreira, o Maj Brig Terroso teve a oportunidade de Comandar diversas unidades, entre elas a Universidade da Força Aérea (UNIFA) e a Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR), além de ter mais de 4.800 horas de voo. Por fim, já na Reserva, assumiu suas funções no INCAER.

Em suas palavras de despedida destacou o quão engrandecedor foi fazer parte da instituição militar que preserva a História e a Cultura da Força Aérea Brasileira. Agradeceu a confiança que lhe foi conferida, externando um reconhecimento especial a todo o efetivo pelo apoio recebido.

Ao encerrar a cerimônia o Diretor do INCAER, Ten Brig Rodrigues Filho enfatizou a importância do trabalho realizado pelo Maj Brig Terroso, desejando boa sorte em seu novo momento e deu boas-vindas ao novo Subdiretor, o Brig Pitrez, reiterando a confiança que tem em seu trabalho.

O Ten Brig Ar Ar Refm Aílton dos Santos Pohlmann tomou posse no Conselho Superior do Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica (INCAER), passando a ocupar a cadeira nº 12, cujo patrono é o Ten Brig Ar Nelson Freire Lavenère-Wanderley, em substituição ao Maj Brig Refm OSWALDO TERRA DE FARIA, falecido em 19 de junho de 2016, dia em que completaria 96 anos.

A cerimônia ocorreu no auditório Ten Brig Deoclécio, do INCAER, no dia 13 de abril de 2018, sendo presidida pelo Ten Brig Ar NIVALDO LUIZ ROSSATO, Comandante da Aeronáutica, e contou co a presença de diversas autoridades militares e civis.

O Conselho Superior do INCAER é composto por vinte conselheiros que tem como função principal assessorar o Diretor do INCAER sobre a Política e a Estratégia de Cultura do COMAER, propostas pelo Diretor para a aprovação do CMTAER. Cada uma das cadeiras do Conselho possui um patrono, considerado um grande vulto da Aviação Brasileira já falecido.

Durante o evento, o Diretor do INCAER, na condição de Presidente do Conselho Superior, proferiu palavras de acolhimento ao novo conselheiro, enfatizando a alegria dos conselheiros e do efetivo do INCAER com o retorno do Ten Brig POHLMANN, que dirigiu o Instituto entre 2014 e 2017. Após o discurso, o Diretor e o Comandante da Aeronáutica fizeram a entrega do diploma e do colar de conselheiro ao homenageado.

Coube ainda ao Ten Brig Ar Refm JOSÉ AMÉRICO DOS SANTOS, ocupante da cadeira nº 16, realizar a saudação ao Ten Brig Ar POHLMANN. Em sua fala, o Ten Brig JOSÉ AMÉRICO enfatizou a responsabilidade do novo conselheiro, tendo em vista os encargos assumidos como membro vitalício do Conselho Superior, lembrando o legado histórico do Ten Brig LAVENÈRE-WANDERLEY, patrono do CAN; e do Maj Brig TERRA DE FARIA, colaborador da coleção História Geral da Aeronáutica Brasileira.

Fechando a cerimônia, o conselheiro recém empossado compartilhou com todos a honra por ter sido escolhido para fazer parte do colendo grupo, enfatizando a responsabilidade de sua mais nova missão.

 

O Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica realizou, no dia 08 de março de 2018, em comemoração ao Dia Internacional das Mulheres, uma homenagem ao seu efetivo feminino.
O Diretor do INCAER, Ten Brig Rafael Rodrigues Filho, parabenizou as mulheres, e destacou sua importância nos dias atuais, reconhecendo seu valor pelas funções que exercem na Força Aérea Brasileira e, principalmente, perante a sociedade.
No encerramento, as mulheres foram contempladas com uma rosa, entregues pelo Diretor.

 

O Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica participou da formação acadêmica dos alunos da Escola Preparatória de Cadetes do Ar em 2017, realizando palestras no dia 12 de dezembro, para todo o corpo docente, sobre a “História da Aeronáutica Brasileira”.

O palestrante, Cel Av Refm REGINALDO DOS SANTOS GUIMARÃES abordou o tema em três segmentos, a saber:

 

- Dos primórdios até a segunda guerra Mundial

Na primeira palestra foi apresentada a conquista do ar pelo brasileiro Alberto Santos-Dumont, e o empenho dos Aviadores Militares oriundos da Escola de Aviação Militar e da Escola de Aviação Naval para o reconhecimento da aeronave como arma de guerra, até a criação do Ministério da Aeronáutica e a participação, logo em seguida, na Segunda Grande Guerra.

 

- A Evolução no Tempo

Na segunda palestra foi apresentada a contribuição dos Ministérios da Marinha, do Exército e de Viação e Obras Públicas na formação do patrimônio material e pessoal do Novo Ministério da Aeronáutica, a evolução da estrutura, as dificuldades e dedicação dos precursores, abordando alguns setores principalmente as Escolas, Parques de Material da Aeronáutica e outros, destacado o importante papel do MAer na integração e desenvolvimento do Brasil.

 

- Aeronaves da Força Aérea

Na terceira e ultima etapa, o palestrante do INCAER, apresentou uma seleção de aeronaves da Força Aérea, com as respectivas datas de entrada e retirada do acervo da FAB, comentando sobre os principais serviços prestados por cada uma, encerrando o ciclo de palestras com as perspectivas do Grippen e do primeiro voo do KC-390 no ano de 2015.

 

 

Fim do conteúdo da página