Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Página inicial > Notícias da EPCAR > Professores da EPCAR atingem nível máximo na carreira
Início do conteúdo da página

Após defesa pública e aprovação do Memorial Acadêmico, os professores foram promovidos à Classe de Professor Titular


A última quinta-feira (21/02) foi um dia muito especial na vida de dois professores civis da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), sediada em Barbacena / MG. Os docentes, Marcelo de Miranda Coelho e Anderson de Oliveira Guimarães, se submeteram à Defesa Pública de Memorial Acadêmico para a promoção funcional na carreira do Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (MEBTT) e, aprovados, agora atingiram o ápice da carreira profissional, ao serem ascendidos a Professor Titular. A banca foi presidida pelo Comandante da EPCAR, Coronel Aviador Mauro Bellintani, que também é o presidente da Comissão Permanente de Pessoal Docente (CPPD) e contou, ainda, com a presença de professores doutores na mesa avaliadora. Militares, professores, servidores civis e convidados acompanharam as apresentações.

Há mais de duas décadas lecionando na Escola, o professor Marcelo Miranda disse que chegar a este ponto na carreira, além de provocar sentimentos de realização e satisfação, é o indicativo de que fez a escolha certa em sua vida profissional. “Tenho certeza que a responsabilidade diante da EPCAR e da sociedade, ao atingir este ponto na carreira, aumenta consideravelmente. Ao contrário do que possa parecer, estes últimos meses de preparação não se resumiram apenas na ansiedade para que este dia chegasse. Ao recolher todo o material necessário para a apresentação, recordei todo o meu itinerário, desde a escolha da profissão, na adolescência até os dias atuais, passando por todas as atividades desenvolvidas nestes 21 anos de dedicação à EPCAR, e, mais recentemente, o doutorado, que me exigiu muita dedicação e sacrifícios, assim como de minha esposa e minha filha. Tudo isto sempre pautado pelos ensinamentos de meus pais. Agradeço aos meus colegas de profissão, pelos exemplos e incentivo e a todos que me apoiaram”, concluiu.

O discurso do professor Anderson Oliveira é semelhante ao seu colega de profissão, também aprovado. Ele disse que além do sentimento de vitória, esta ascensão profissional o fez relembrar todos os momentos profissionais que foram vividos. “A aprovação pela Comissão Especial da EPCAR para acesso a Titular da carreira do Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico foi gratificante e deixa em mim um sentimento de vitória por ter alcançado o último degrau da minha carreira profissional. Elaborar este memorial foi repensar cada passo da minha formação, relembrar momentos únicos que vivi durante todo este trajeto, desde a minha formação infantil até o doutorado, incluindo o dia do concurso para ser professor da EPCAR, até os dias atuais. Então, tenho muito a agradecer à EPCAR, onde se consolidou a minha formação profissional e à Universidade Federal de São João (UFSJ) pela minha formação acadêmica”, agradeceu.

A EPCAR constantemente figura entre as melhores escolas do Brasil no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e, para o Coronel Bellintani, a qualidade profissional dos docentes é fator determinante para o bom êxito das atividades acadêmicas do Curso Preparatório de Cadetes do Ar (CPCAR). “É com muita satisfação que a EPCAR atesta, mais uma vez, a excelência de seu corpo docente. A recente obtenção do grau de Professor Titular é um motivo de celebração a todos nós”, enalteceu o Presidente da Banca e do CPPD.

Juntamente ao Comandante da Escola, participaram das bancas avaliadoras os seguintes profissionais: Prof. Doutor Marcelo Costa Pinto e Santos (IF-Sudeste Minas Gerais – Juiz de Fora), Prof. Doutor Ruy Batista Santiago Neto (IF-Sudeste Minas Gerais – Rio Pomba), Prof. Doutor Anderson Grandi Pires (CEFET Minas Gerais – Leopoldina), Prof. Doutor Elson de Campos (EEAR – Guaratinguetá), Prof. Doutor Eloi Teixeira César (UFJF – Juiz de Fora), Profª. Dra. Ana Maria de Resende Machado (CEFET Minas Gerais – Belo Horizonte) e Profª. Dra. Clausymara Lara Sangiorge (CEFET Minas Gerais – Belo Horizonte). Todos estes nomes foram aprovados pela CPPD para atuarem como avaliadores da banca.


A carreira

O Plano de Carreiras e Cargos de Magistério Federal é previsto na Lei n° 12.772, de 28 de dezembro de 2012. Divididos em níveis, para se atingir o grau máximo da carreira, exige-se do docente possuir o título de doutor, ser aprovado em processo de avaliação de desempenho e cumprir o interstício mínimo de 24 (vinte e quatro) meses no último nível de cada Classe antecedente. Para ratificar a ascensão funcional, o docente deverá, ainda, lograr aprovação de memorial que considerará as atividades de ensino, pesquisa, extensão, gestão acadêmica e produção profissional relevante, ou defesa de tese acadêmica inédita.

 

Fonte: Seção de Comunicação Social, por Sgt Júlio Fonseca
Fotos: Prof. Anderson Luiz
 
 
Fim do conteúdo da página