Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Material BélicoMATERIAL BÉLICO (GBMB)

O Profissional

O especialista em material bélico é responsável pelos serviços técnicos de manutenção, estocagem e instalação de material bélico aéreo e terrestre.

As Atribuições

O profissional especializado em material bélico atua no emprego de armamentos terrestres, na instrução de tiro com armas portáteis, na preparação de estande de tiro e nos procedimentos de segurança necessários para essas ações.

Realiza ainda a manutenção de diversos tipos de armamento, testa e, se necessário, substitui componentes mecânicos, elétricos e eletrônicos de sistemas de tiro – inclusive em aeronaves, no sistema de lançamento,  armas e munições.

Outras atividades do especialista são: exercer a atividade de artilheiro de bordo, manter o treinamento previsto para o tripulante e instalar e retirar cargas explosivas de ejeção.

O Curso

O aluno estuda princípios de eletricidade e eletromagnetismo, conhecimentos básicos de aviação, introdução à eletrônica, armamento, corrosão e tratamento anticorrosivo, foguetes e sistemas de lançamento, dentre outras matérias.

A Carreira

Após a conclusão do curso de formação, o militar é promovido a cada período de sete anos, passando de terceiro sargento para segundo e primeiro sargento, até a graduação de suboficial.

Como suboficial ou primeiro sargento, pode concorrer ao Estágio de Adaptação ao Oficialato (EAOF) e atingir o posto de capitão.
Após dez anos na especialidade, outra opção é o Curso de Formação de Oficiais Especialistas (CFOE), que pode levar o militar ao posto de tenente-coronel. Para isso, é necessário ter as promoções por merecimento e ser aprovado em concurso interno.

 

VOLTAR

Fim do conteúdo da página