Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

1941 - Criação da Escola de Aeronáutica no Rio de Janeiro/RJ

14/05/1952 - 1ª demonstração oficial da esquadrilha de instrutores de voo com as aeronaves T-6

1953 - Inclusão de óleo de fumaça e a equipe é batizada, carinhosamente, pelo público de “Esquadrilha da Fumaça”

1955 - A Esquadrilha passa a ter cinco aviões de uso exclusivo, com pintura e distintivos próprios

1963 - A equipe é denominada oficialmente “Unidade Oficial de Demonstrações Acrobáticas da Força Aérea Brasileira”

1963 - Recebimento de sete jatos Super Fouga Magister T-24

1969 - A Escola de Aeronáutica passa a ser denominada Academia da Força Aérea (AFA)

1971 - Transferência da AFA para Pirassununga/SP

1972 - Desativação dos T-24 e retorno aos T-6

1976 - Desativação dos T-6 e, após 1272 demonstrações, desativação da Esquadrilha da Fumaça

1980 - Criação do Cometa Branco – grupo de instrutores de voo da AFA incentivados a reativar a Esquadrilha da Fumaça com a aeronave T-25

10/07/1980 - 1ª demonstração do Cometa Branco

21/10/1982 - Renascimento da Esquadrilha da Fumaça denominada oficialmente “Esquadrão de Demonstração Aérea”

1983 - Chegada das aeronave T-27 Tucano

23/10/1996 - Recorde mundial com 10 aeronave em formação de voo de dorso

2000 - Interrupção das atividades para revisão dos Tucanos

2002 - Volta da Esquadrilha da Fumaça com os Tucanos pintados nas cores da bandeira do Brasil

18/05/2002 - Recorde mundial com 11 aeronaves em formação de voo de dorso

29/10/2006 - Recorde mundial com 12 aeronaves em formação de voo de dorso

2012 - Chegada das novas aeronaves A-29 Super Tucano

2013 - Início do processo de implantação da aeronave Super Tucano

03/07/2015 - 1ª demonstração com a aeronave Super Tucano

Fim do conteúdo da página